Falta de manutenção impede que Goiás ceda helicópteros a Brumadinho

Aeronaves são essenciais para as buscas a vítimas, mas as de Goiás não estão em condições de voo

Helicópteros de Goiás solicitados por Brumadino estão em manutenção | Foto: Reprodução
Helicópteros de Goiás solicitados por Brumadino estão em manutenção | Foto: Reprodução

O Governo de Goiás não conseguiu atender a um pedido do Executivo de Minas Gerais em auxílio a Brumadinho devido à falta de manutenção em seus helicópteros.

De acordo com o jornal “O Popular”, MG havia solicitado que uma das 3 aeronaves da Secretaria de Segurança Pública (SSP) fossem cedidas.

Os helicópteros são essenciais para as buscas a vítimas do rompimento da barragem da Vale na Mina do Feijão.

No entanto, todos eles estão em manutenção desde o final do ano passado e não puderam ser enviados.

Explicação

Segundo a reportagem, a empresa responsável pela manutenção não tem recebido os valores devidos pelo serviço.

A dívida do governo com a Fênix Manutenção e Recuperação de Aeronaves LTDA chega a R$ 159 mil.

Mas, de acordo com o secretário de Segurança Pública de Goiás, Rodney Miranda, o Executivo tenta contornar esse problema nos próximos dias e planeja enviar as aeronaves a Brumadinho assim que possível.

Bombeiros militares e cães farejadores do Estado de Goiás já foram enviados para os trabalhos de resgate em Brumadinho.

Vídeo dá visão aérea do momento em que barragem de Brumadinho caiu


Acompanhe tudo que acontece em Goiás seguindo o Folha Z no Instagram (@folhaz), no Facebook (jornalfolhaz) e no Twitter (@folhaz)

Comentários do Facebook