Henrique Arantes (MDB) deve assumir a 1ª vice-presidência da Alego | Foto: Sérgio Rocha
Henrique Arantes (MDB) deve assumir a 1ª vice-presidência da Alego | Foto: Sérgio Rocha

A Assembleia Legislativa terá eleições antecipadas no próximo dia 30 para definir sua Mesa Diretora para o próximo biênio (1º de fevereiro de 2021 a 31 de janeiro de 2023).

E, apesar de ser contada como certa a recondução do atual presidente, Lissauer Vieira, pelo menos 1 novidade é esperada do pleito.

Henrique Arantes (MDB) pode se tornar 1º vice-presidente.

Ele, que já travou embates com o governo em discussões na Assembleia, disse à Folha Z que não trabalha pela oposição, mas “pela independência da Casa”.

Henrique também confirmou que seu nome é uma possibilidade para a posição, mas há nada confirmado ainda.

“Vamos trabalhar para que o parlamento seja independente. O papel de oposição não tem nada a ver com a mesa diretora da Assembleia”, afirmou à reportagem.

O atual 1º vice é o deputado Dr. Antônio (DEM), aliado e colega de partido do governador Ronaldo Caiado (DEM).

Composição da Mesa Diretora

Caso nenhuma mudança importante ocorra nos próximos 2 dias, a composição da Mesa Diretora deverá ser a seguinte:

  • Presidente – Lissauer Vieira (PSB)
  • 1º Vice-Presidente – Henrique Arantes (MDB)
  • 2º Vice-Presidente – Cairo Salim (PROS)
  • 3º Vice-Presidente – Em aberto (cargo inexistente no momento, a ser criado até o dia 30)
  • 1º Secretário – Cláudio Meirelles (PTC), que será mantido
  • 2º Secretário – Júlio Pina (PRTB)
  • 3º Secretário – Sebastião Caroço (PSDB)
  • 4º Secretário – Iso Moreira (DEM)

Waldir acusa Caiado de tentar tirá-lo da presidência do PSL


Acompanhe a Folha Z no Instagram (@folhaz), no Facebook (jornalfolhaz) e no Twitter (@folhaz)

Comentários do Facebook