Líder tucano em Anápolis critica governador e vice: ‘imoral’ e ‘incompetente’

Líder tucano na Câmara de Anápolis Mauro Severiano | Foto: Câmara Municipal
Líder tucano na Câmara de Anápolis Mauro Severiano | Foto: Câmara Municipal

Em entrevista ao Folha Z, o líder do PSDB na Câmara de Anápolis Mauro Severiano criticou fortemente a gestão da Segurança Pública em Goiás na gestão do governador Marconi Perillo (PSDB). Segundo ele, José Eliton foi “incompetente” como secretário e foi “imoral” a decisão do governo de transferir quase 600 presos da Penitenciária Odenir Guimarães (POG), em Aparecida, para o ainda não inaugurado presídio de Anápolis.

“O governador tem que respeitar Anápolis, a Câmara, a Prefeitura e o povo da cidade”, afirmou o vereador. Para ele, a transferência dos presos após rebelião em Aparecida causou muita insegurança em Anápolis, já que a carceragem não estava pronta ainda e não tinha instalações mínimas para comportar os novos ocupantes.

Em sessão na última segunda-feira, 6, vários vereadores anapolinos fizeram coro ao incontentamento de Mauro Severiano e criticaram a transferência dos presos para a cidade.

publicidade

LEIA MAIS: Adolescente de 15 anos é arrastada por 800 m após ser atropelada por bêbado em Aparecida

José Eliton

Porém, Mauro negou ter afirmado que “a única coisa que [Eliton] fez pela Segurança Pública foi levar um tiro”. A declaração, publicada em um portal anapolino, seria falsa, de acordo com o vereador. “Só disse que o ex-secretário não conseguiu garantir nem mesmo a sua própria segurança, muito menos a de todos os goianos”, disse.

Mauro, no entanto, não poupou críticas ao vice-governador e ex-secretário: “José Eliton não fez nada pela Segurança Pública do Estado”, disse.

O Folha Z entrou em contato com o Gabinete de Imprensa do Governador de Goiás e aguarda o posicionamento do governo a respeito das declarações do vereador.

Acompanhe o Folha Z no Facebook, Instagram e Twitter