Lula e Dilma se reúnem para discutir política econômica. Cúpula quer ‘guinada à esquerda’

Ex-presidente Lula e presidente Dilma (Foto: Reprodução)
Ex-presidente e atual chefe do Executivo, Lula e Dilma se reúnem (Foto: Reprodução)

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva se encontrou em Brasília nesta terça-feira (5) com a presidente Dilma Rousseff. Na reunião, foram discutidas as futuras medidas econômicas do governo que serão anunciadas nos próximos meses.

A cúpula do partido defende uma “guinada à esquerda” das políticas econômicas. Entre as medidas estudadas estão a redução dos juros e a ampliação de crédito para investimento. Também estavam presentes para o debate o ministro Jaques Wagner (Casa Civil) e o presidente nacional do PT Rui Falcão.

Membros do partido estão insatisfeitos com o que consideram uma “enganação” por parte da presidente. Eles acreditam que Rousseff manterá a inclinação a favor do mercado, prática da qual diverge Lula, um dos principais entusiastas da substituição do ex-ministro da Fazenda Joaquim Levy, a quem responsabilizava por fazer apenas acenos ao mercado.

LEIA MAIS: Desemprego em 2016 será pior do que no ano passado, dizem economistas

O partido também se posicionou contrário à reforma da Previdência proposta por Barbosa e defendida pelo governo.

Cunha e Temer

Também em Brasília, presidente da Câmara Eduardo Cunha (PMDB-RJ) arquivou nesta terça (5) um segundo pedido de abertura de processo de impeachment do vice-presidente da República Michel Temer.

O autor do requerimento era o advogado Mariel Márley Marra, que acusava Temer de violar a Lei Orçamentária ao assinar, em 2015, quatro decretos autorizando a abertura de crédito suplementar.

Comentários do Facebook