Padre Luiz Augusto é homenageado na Câmara Municipal de Goiânia

Padre foi funcionário fantasma da Alego durante 20 anos
Padre foi funcionário fantasma da Alego durante 20 anos

O presidente da Câmara Municipal de Goiânia, vereador Anselmo Pereira (PSDB), decidiu criar polêmica e homenageou o padre Luiz Augusto, acusado de ser funcionário fantasma da Assembleia Legislativa de Goiás há 20 anos.

A homenagem foi proposta pelo vereador Tayrone di Martino (sem partido). A sessão especial aconteceu junto com sindicalistas e personalidades que se destacaram em defesa dos direitos dos trabalhadores.

Defensor dos pobres

O padre recebeu um diploma de honra ao mérito das mãos de Anselmo Pereira. Segundo Tayrone, o sacerdote é um defensor dos direitos dos trabalhadores, dos pobres e dos menos assistidos.

“Não se pode questionar o trabalho social e cristão que o padre Luiz Augusto realiza em benefício de todos, indistintamente”, reconhece Tayrone, lembrando que é um sacerdote que caminha, sem cansar, nos passos de Jesus, oferecendo, diariamente, o seu trabalho social e espiritual aos doentes da “do corpo e da alma”.

Já o presidente Anselmo Pereira qualificou de “muito justa” a homenagem ao sacerdote, afirmando que o padre Luiz Augusto é um religioso incansável no trabalho social e cristão, “porque, ressalta, nunca deixa suas ovelhas desamparadas e sem socorro, pois por onde ele passa, sua marca fica selada e reconhecida como “ bom samaritano”.

 

Comentários do Facebook