Cleide Neves e o deputado federal Professor Alcides, ambos do PP | Foto: Reprodução
Cleide Neves e o deputado federal Professor Alcides, ambos do PP | Foto: Reprodução

Baiana, a pedagoga Cleide Neves é pré-candidata a vereadora em Aparecida de Goiânia pelo PP e quer dedicar seu mandato, entre outros pontos, à promoção de educação pública de qualidade, igualdade e bem-estar social.

Confira a entrevista feita pela Folha Z nesta 4ª feira (9).

Folha Z: Quem é Cleide Neves?

Cleide Neves: Cleide Neves Guarda é pedagoga com muito orgulho e especializada em Métodos e Técnicas de Ensino. Atualmente, estou cursando o 8º período da minha segunda graduação, em psicologia, na Unifan. Sou casada com o fotógrafo Valdemy Teixeira e mãe de 2 filhas lindas.

Folha Z: E qual é a sua ligação com a cidade?

Cleide Neves: Cheguei a Aparecida de Goiânia no ano 2000, recebi apoio de familiares e de grandes amigos que tornaram parte da minha família e estão no meu coração para sempre. Assim como milhares de conterrâneos do Estado da Bahia vieram para o estado de Goiás em busca de trabalho e para conquistar uma vida melhor, eu também me sinto vencedora diante de tantas lutas, decepções e muita esperança.

Cleide Neves e família | Foto: Reprodução
Cleide Neves e família | Foto: Reprodução

Folha Z: E o que pretende fazer caso seja eleita?

Cleide Neves: Quero retribuir tudo o que essa linda cidade me proporcionou, trabalhando ainda mais para ajudar Aparecida de Goiânia ainda melhor de se viver e trazer mais qualidade de vida para os cidadãos e cidadãs que moram aqui.

Folha Z: Uma mensagem final?

Cleide Neves: Estou sempre disposta a ajudar as pessoas, independente de cor, raça, posição social, ideologia ou qualquer que seja sua opção política. Devemos amar o próximo, sem olhar a quem.

LEIA MAIS 👉 Secretário geral do MDB Aparecida, Valdir Alves opina sobre polêmica do vice


Quer receber notícias da política de Aparecida?

Você está convidado a fazer parte de um grupo altamente bem informado sobre os rumos da cidade.

É só seguir a Folha Z no Instagram (@folhaz), no Facebook (jornalfolhaz) e no Twitter (@folhaz)

Comentários do Facebook