Baiocchi não representa o comércio, diz presidente do Sincopeças-GO

Presidente do Sincopeças-GO Maurício Paiva | Foto: Thiago Araújo
Presidente do Sincopeças-GO Maurício Paiva | Foto: Thiago Araújo

Por Thiago Araújo

A um mês da eleição para definir a nova diretoria da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Goiás (Fecomércio-GO), os candidatos Marcelo Baiocchi e José Carlos Palma seguem determinados em conquistar o apoio dos 29 delegados aptos a participar do pleito.

Diante deste cenário, o presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Veículos e de Peças e Acessórios para Veículos de Goiás (Sincopeças-GO), Maurício Ribeiro de Paiva, avaliou o processo eleitoral da entidade e questionou, em entrevista ao Folha Z, a representatividade de um dos candidatos.

publicidade

“Marcelo Baiocchi não representa legitimamente o comércio, pois tem um perfil contraditório e outros interesses”, disse.

Segundo ele, Baiocchi é ligado ao ramo imobiliário e, por este motivo, defenderia os interesses dos empresários do setor.

“Avaliar o contexto empresarial dos candidatos é importante para ver quem está por trás do processo político da entidade. Por ser ligado ao ramo de loteamentos e de imóveis comerciais e residenciais, Baiocchi, em determinada situação, pode deixar de defender as demandas dos lojistas para atender as reivindicações de construtores e grandes empreendimentos, como shoppings, por exemplo”, acrescentou.

LEIA MAIS: Ex-presidente do Sindilojas, José Carlos Palma oficializa disputa da Fecomércio

Em contraposição, Maurício Paiva sustentou que José Carlos Palma, ex-presidente do Sindicato do Comércio Varejista no Estado de Goiás (Sindilojas-GO), é o nome mais preparado para assumir a Fecomércio-GO em junho deste ano.

“Palma se identifica mais com o comércio de bens e tem um histórico de representatividade. Atualmente, o empresariado goiano de bens está convencido de que ele está preparado para atender às nossas necessidades”, completou.

Sobre o cenário atual da entidade, o represente do Sincopeças elogiou a atuação do atual presidente, José Evaristo dos Santos.

“Hoje, graças à ações empreendidas por ele, a Fecomércio consegue ser independente e caminhar sozinha. José Evaristo foi responsável por administrar com eficiência o Sesc e o Senac. Agora precisamos de um dirigente que atenda as demandas dos empresários do setor de comércio de bens, serviços e turismo a fim de garantir o desenvolvimento econômico de Goiás”, sustentou.

Apoio velado

Procurada pela reportagem, a assessoria da Fecomércio-GO destacou que o atual presidente, José Evaristo dos Santos, está conduzindo o processo com “neutralidade para não influenciar os votantes”.

No entanto, nos bastidores, sabe-se que ele apoia a sucessão de Palma. O Folha Z tentou contato com José Evaristo, mas ele viajou para o Rio de Janeiro esta semana para participar de reuniões na Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC).

Dados

A eleição da Fecomércio-GO será realizada no próximo dia 11 de maio, das 9h às 12h, por escrutínio secreto. Podem participar do pleito os 29 sindicatos filiados, tendo um delegado eleitor por cada organização.

Acompanhe o Folha Z no Facebook, Instagram e Twitter