bolsonaro-em-aparecida-de-goiania
bolsonaro-em-aparecida-de-goiania

Eleito em 2018 para dar sequência à era emedebista na Prefeitura de Aparecida, Gustavo Mendanha deve enfrentar dificuldades para se reeleger em 2020.

Dois aspectos principais são apontados por analistas: de um lado, a necessidade de uma guinada por parte da sua gestão nesses próximos dois anos; de outro, o surgimento de pelo menos um adversário de peso.

Analistas apontam que ele deve priorizar a construção de alianças com a população.

Em segundo momento, Gustavo deve articular alianças com os tradicionais partidos políticos. O foco neste momento é no cidadão.

Ruf Medicina 300 x 250

Isso foi o que mostraram os resultados das Eleições 2018.

No pleito, as máquinas partidárias (de José Eliton, em Goiás, e Geraldo Alckmin, nacionalmente) representaram muito menos do que o apoio popular em prol de renovação partidária (caso de Ronaldo Caiado e Jair Bolsonaro).

Delegado Waldir (PSL) fez campanha em cima de caminhonete pelas ruas de Goiânia e Aparecida | Foto: Reprodução / Instagram
Delegado Waldir (PSL) fez campanha em cima de caminhonete pelas ruas de Goiânia e Aparecida | Foto: Reprodução / Instagram

Delegado Waldir

Caminhando nesse sentido, o deputado federal reeleito Delegado Waldir (PSL) pode se tornar figura central na disputa pelo Executivo aparecidense.

Correligionários e apoiadores defendem a ideia de que Waldir transfira seu domicílio eleitoral para Aparecida.

Suas votações para a Câmara Federal foram muito expressivas na cidade em 2014 e 2018.

Neste ano, ele foi o segundo mais votado pelos eleitores aparecidenses, com 25.690 votos (12,81%).

Waldir ficou atrás somente do Professor Alcides (PP), também sempre lembrado quando o tema é a Prefeitura de Aparecida.

Campanha simples e efetiva

De acordo com a prestação de contas da sua campanha, o delegado teve R$ 476.355,81 de total de despesas contratadas.

Outro candidato eleito majoritariamente por Aparecida, Glaustin da Fokus (PSC), gastou R$ 1.245.861,69 e recebeu votação menos expressiva do que Waldir.

O deputado federal reeleito usou como palanque para sua campanha a caçamba de uma picape.

De cima do veículo, Waldir percorreu as ruas de Goiânia e Aparecida sozinho e com um megafone em mãos.

Veja no vídeo abaixo:

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

Uma publicação compartilhada por DELEGADO WALDIR 1️⃣7️⃣🇧🇷 (@delegadowaldir) em

Família Vilela

Além da ameaça do deputado, Gustavo Mendanha também terá que trabalhar para descolar sua imagem da família Vilela.

Isso porque a associação com o partido, MDB, deixou de ser desejada após o péssimo resultado da sigla nas eleições para os governos estaduais em 2018.

E, mesmo em Aparecida, o candidato emedebista ao Governo de Goiás, Daniel Vilela, perdeu para Ronaldo Caiado.

E, para dar mais dores de cabeça a Mendanha, membros do grupo vilelista defendem que o ex-prefeito Maguito a disputar o comando do Executivo da cidade em 2020.

LEIA MAIS: Bolsonaro faz o primeiro pronunciamento como presidente eleito


Quer receber notícias dos bastidores da política de Aparecida?

Você está convidado a fazer parte de um grupo altamente bem informado sobre os rumos da cidade!

Mande uma mensagem para o Whatsapp do Folha Z e se cadastre para ter as matérias especiais do Folha Z direto do seu celular!

É só adicionar o telefone do jornal à sua agenda e mandar o seu nome e a seguinte mensagem: “quero notícias da política de Aparecida”.