Prefeito Gustavo Mendanha argumenta pela reabertura das academias em Aparecida durante reunião do comitê gestor da covid-19 | Foto: Reprodução
Prefeito Gustavo Mendanha argumenta pela reabertura das academias em Aparecida durante reunião do comitê gestor da covid-19 | Foto: Reprodução

O prefeito Gustavo Mendanha (MDB) defendeu que academias de ginástica voltem a funcionar em Aparecida de Goiânia.

Em vídeo divulgado nas redes sociais, o prefeito defendeu que a reabertura ocorra com protocolo de segurança e apenas de 30% de capacidade.

Uma das justificativas para a flexibilização é a tentativa de diminuir o número de pessoas que buscam se exercitar em parques e praças da cidade, o que causa aglomerações.

As imagens foram gravadas durante reunião do Comitê Municipal de Enfrentamento à Covid-19.

“Hoje, como profissional de Educação Física, fiz um apelo ao comitê para decidir pela reabertura das academias”, afirmou o prefeito.

Mendanha ainda afirmou que acatará a decisão do órgão, ainda que seja negativa.

Veja no vídeo:

Aparecida tem tomado todas as decisões de enfrentamento à Covid-19, desde março, com base em nota técnica da Secretaria de Saúde e por meio do Comitê, que tem a representação da sociedade (Câmara Municipal, MP, Aciag, Defensoria Pública, OAB, Sesi, Sebrae). Como prefeito tenho convalidado as decisões, mesmo que não concorde, porque acredito na capacidade técnica dos membros do comitê. Hoje como profissional de Educação Física, fiz um apelo ao comitê para decidir pela reabertura das academias com todo protocolo de segurança e com apenas de 30% de capacidade. Acredito que as academias funcionando reduzirá o número de pessoas em parques e praças da cidade. #AparecidaUnida #PorUmBemMaior

Welcome back to Instagram. Sign in to check out what your friends, family & interests have been capturing & sharing around the world.

Portaria estabelece escalonamento das feiras em Aparecida


Quer receber notícias da política de Aparecida?

Você está convidado a fazer parte de um grupo altamente bem informado sobre os rumos da cidade.

É só seguir a Folha Z no Instagram (@folhaz), no Facebook (jornalfolhaz) e no Twitter (@folhaz)

Comentários do Facebook