Prefeitura de Goiânia dá prosseguimento à revitalização da Marginal Cascavel | Foto: Divulgação / Seinfra

A Prefeitura de Goiânia deu mais um passo no processo de revitalização da Marginal Cascavel, na região sudoeste da capital, após finalizar licitação.

A empresa Sobrado Construções Ltda foi a vencedora da concorrência pública, do tipo menor preço, para a execução das obras de construção das pistas marginais e de acesso e de canalização do Córrego Cascavel.

O trecho fica entre as Avenidas T-9, no Setor Bueno, e C-12, na Vila Alpes, numa extensão de 1,76 km.

O contrato contempla ainda a sinalização horizontal e vertical e a construção de calçadas acessíveis.

A licitação foi homologada no último dia 10 e, após a certificação e a assinatura do contrato, a Secretaria de Infraestrutura e Serviços Públicos (Seinfra) expedirá a ordem de serviço para o início dos trabalhos.

Obras

Orçada em R$ 25.349.847,00, a licitação foi fechada por R$ 18.961.679,57, um deságio de mais de 25%.

A empresa deverá iniciar os trabalhos em até 10 dias úteis após o recebimento da ordem de serviço e executar num prazo de 240 dias.

De acordo com o projeto, a pista a ser construída varia de 9 m a 11,98 m de largura, com acessos de 6 m a 6,73 m de largura, e camada de revestimento em concreto betuminoso na espessura de 10 cm, dividido em uma camada de 5 cm de pavimento asfáltico, recoberta por outro camada de 5 cm de capa para as vias marginais.

As alças e as vias da Avenida dos Alpes terão camada em 5 cm de revestimento em CBUQ, uma vez que se espera um fluxo de tráfego significativamente menor do que para as vias principais das marginais.

Para as calçadas, o projeto indica concreto de 20 Mpa, dos dois lados da via, com 2 m de largura e espessura de 6 cm.

Canalização

Segundo o projeto, a canalização proposta para esse trecho do Córrego Cascavel é uma estrutura de concreto armado composta de segmentos com 19,98 m de extensão, interligadas por juntas de dilatação, com fundo plano interligado a paredes verticais com as dimensões projetadas.

O canal foi dimensionado para atender a uma vazão de 171,668 m³/s e tempo de recorrência de 100 anos para pontes e canais em concreto e borda livre aproximada de 38,50 cm para o topo das paredes do canal.

Revitalização da Marginal Cascavel

Apesar de ainda haver serviço pela frente, algumas estruturas que compõem a Marginal Cascavel já foram executadas.

Confira algumas delas:

  • restauração da Avenida C-7 para utilização como marginal esquerda (Avenida dos Alpes / Avenida C-12);
  • execução das pistas esquerda e direita da Avenida do Alpes pelo lado da Vila União (margem esquerda do Córrego) até as proximidades do apoio extremo das pontes de transposição das marginais;
  • alça de acesso da Avenida C-7 para a Avenida dos Alpes;
  • e 120 metros de canal a jusante do ponto de implantação das pontes da Avenida dos Alpes, que está sendo executada e deverá ser concluída no mês de março.

Seinfra vai intensificar operação Tapa-Buraco em Goiânia


Acompanhe tudo que acontece em Goiânia seguindo a Folha Z no Instagram (@folhaz), no Facebook (jornalfolhaz) e no Twitter (@folhaz)

Comentários do Facebook