De 9 secretários anunciados por Caiado, só 1 é velho conhecido em GO

Deles, só 3 já tiveram mandato político e apenas 1 mulher aparece na lista

Governador eleito de Goiás Ronaldo Caiado anuncia futuros secretários | Foto: Reprodução
Governador eleito de Goiás Ronaldo Caiado anuncia futuros secretários | Foto: Reprodução

O governador eleito de Goiás Ronaldo Caiado (DEM) já divulgou uma primeira leva de auxiliares que vão compor sua administração a partir de janeiro de 2019.

Conforme prometido pelo senador durante a campanha, a lista é composta por nomes técnicos das respectivas áreas.

Até agora, apenas três pastas serão comandadas por políticos que já tiveram mandato eletivo.

Destes, apenas um já ocupou cargo no primeiro escalão do Governo de Goiás anteriormente.

Explosão de Ofertas Tatico – 300×250

Confira os nomes a seguir:

Desenvolvimento Econômico: Adriano da Rocha Lima

Desenvolvimento Econômico: Adriano da Rocha Lima | Foto: Reprodução
Desenvolvimento Econômico: Adriano da Rocha Lima | Foto: Reprodução

Adriano da Rocha Lima tem 46 anos e é formado em Engenharia Elétrica e Telecomunicações pela PUC do Rio de Janeiro.

Tem pós-graduação em Planejamento Estratégico de Redes pela Telia Academy (Suécia) e Administração Executiva de Negócios pela COPPEAD/UFRJ, além de mestrado em filosofia pela UFRJ

Adriano foi engenheiro da Nortel (multinacional de tecnologia da Flórida – EUA) e da Promon Eletrônica e diretor de engenharia da Claro Brasil.

Ele fundou em 2008 a WebRadar, empresa de análise de dados.

Desenvolvimento Social: Marcos Ferreira Cabral

Desenvolvimento Social: Marcos Ferreira Cabral | Foto: Reprodução
Desenvolvimento Social: Marcos Ferreira Cabral | Foto: Reprodução

Marcos Cabral (DEM) tem 49 anos cumpriu três mandatos (o último termina em 2018) à frente da Prefeitura de Santa Terezinha de Goiás, onde também foi vereador.

Ele é formado em Gestão Pública e tem curso técnico em Mineração e em Pavimentação Asfáltica.

Membro fundador do PFL em Goiás, Marcos foi um dos coordenadores goianos da campanha de Ronaldo Caiado à Presidência em 1989.

Detran – Diretoria Operacional: José Sóter

Detran - Diretoria Operacional: José Sóter | Foto: Reprodução
Detran – Diretoria Operacional: José Sóter | Foto: Reprodução

José Sóter trabalhou na Celg D por 33 anos como presidente da Comissão de Licitações.

Na antiga estatal de energia goiana, ele foi membro dos conselhos de Administração e Fiscal da CelgPar.

É gestor público em contratos e licitações.

Detran – Presidência: Marcos Roberto

Detran - Presidência: Marcos Roberto | Foto: Reprodução
Detran – Presidência: Marcos Roberto | Foto: Reprodução

Advogado com pós-graduação em direito civil e processual civil, foi sócio-fundador do escritório Rios e Silva Advogados Associados S/S, membro da comissão de Direitos e Prerrogativas da OAB-GO 2010/2012 e 2013/2015.

Foi Procurador da Câmara Municipal de Mozarlândia de 2011 a 2013.

Atualmente, atua como tesoureiro e procurador estadual do Democratas em Goiás.

Fazenda: Cristiane Schmidt

Fazenda: Cristiane Schmidt | Foto: Reprodução
Fazenda: Cristiane Schmidt | Foto: Reprodução

Mestre e doutora em Economia pela EPGE/FGV, Cristiane Alkmin Schmidt é conselheira do CADE, professora da FGV e escreve para a Revista de Direito Administrativo da FGV Direito Rio.

Foi secretária-adjunta no Ministério da Fazenda, gerente-geral de assuntos corporativos da Embratel, economista do Ibre/FGV, diretora do departamento econômico do Family Office do Grupo Libra e economista do Itaú Asset.

Foi também gerente estratégica da Cementos Progreso, diretora da ONG Pacunam (ambos na Guatemala), diretora do departamento econômico da Compañia de Comércio e Exportación e diretora adjunta da Autoridade de Desenvolvimento Local, ambos em Porto Rico.

Indústria e Comércio: Wilder Morais

Indústria e Comércio: Wilder Morais | Foto: Reprodução
Indústria e Comércio: Wilder Morais | Foto: Reprodução

O senador Wilder Morais (DEM) tem 50 anos e nasceu na cidade de Taquaral (GO).

Formou-se em Engenharia Civil na Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PUC) e hoje é dono da Construtora Orca.

Entrou para a política em 2010, quando foi eleito suplente de Demóstenes Torres (PTB), posteriormente assumindo a vaga do afastado.

No Governo de Goiás, Wilder foi secretário de Infraestrutura do governo Marconi Perillo.

Saneago: Ricardo Soavinski

Saneago: Ricardo Soavinski | Foto: Reprodução
Saneago: Ricardo Soavinski | Foto: Reprodução

Oceanógrafo formado pela Universidade do Rio Grande, Ricardo José Soavinski tem 55 anos.

Ele é analista Ambiental Federal de carreira e atual presidente da Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar).

Foi presidente do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) e secretário nacional de Recursos hídricos e Ambiente Urbano do Ministério do Meio Ambiente.

No Paraná, também foi secretário de Meio Ambiente e Recursos Hídricos e presidente do Conselho Fiscal da Previdência.

Saúde: Ismael Alexandrino Jr

Saúde: Ismael Alexandrino Jr | Foto: Reprodução
Saúde: Ismael Alexandrino Jr | Foto: Reprodução

Médico formado pela Faculdade de Ciências Médicas da Universidade Estadual de Pernambuco e pela Universidade de Milão e Bolonha, Ismael Alexandrino é atual diretor-presidente do Instituto Hospital Base.

Ele também é conselheiro titular do Colegiado Gestor da Saúde do Distrito Federal.

Tem MBA em Gestão da Saúde pela Fundação Getúlio Vargas, foi da diretoria Médica Executiva da DASA, chefe da UTI do Hospital Regional do Gama e diretor geral do Hospital de Base do Distrito Federal.

A nível governamental, foi superintendente de Saúde da Região Sul do DF e secretário adjunto de Gestão da Saúde do Distrito Federal.

Segurança Pública: Rodney Miranda

Saúde: Ismael Alexandrino Jr | Foto: Reprodução
Saúde: Ismael Alexandrino Jr | Foto: Reprodução

Delegado aposentado da Polícia Federal, Rodney Rocha Miranda tem 54 anos.

Ele é formado em Administração e Direito pela UNIUDF, pós-graduado em Carreiras Jurídicas pela Escola Superior da Magistratura do DF e em Segurança Pública pela ANP/DPF/MJ.

Foi integrante da Comissão de Reforma das Leis Criminais e autor do texto que originou o projeto de criação do Sistema Único de Segurança Pública (SUSP).

Foi por duas vezes secretário de Segurança do Espírito Santo (2003-2005 e 2007-2010) e também secretário de Defesa Social de Pernambuco (2006).

Também na política, foi prefeito de Vila Velha (2013-2016) e deputado estadual no Espírito Santo (2011-2012).

LEIA MAIS: Morre em Goiânia o jornalista Laerte Júnior


Acompanhe tudo que acontece em Goiás seguindo o Folha Z no Instagram (@folhaz), no Facebook (jornalfolhaz) e no Twitter (@folhaz)

Comentários do Facebook