‘Nunca estive envolvido em escândalos’, diz Vanderlan em debate

Vanderlan Cardoso diz que o prefeito não pode ser omisso | Foto: Divulgação/Assessoria de Imprensa
Vanderlan Cardoso diz que o prefeito não pode ser omisso | Foto: Divulgação/Assessoria de Imprensa

Candidato da coligação Uma Nova Goiânia, Vanderlan Cardoso (PSB) reiterou em debate na Rádio CBN e Jornal O Popular, na manhã desta terça-feira, 27, o papel ativo que um prefeito pode ter na área de Segurança Pública. “É preciso buscar parcerias com a Polícia Militar e Civil, com o Judiciário, além de fortalecer os conselhos de segurança e estimular a participação da sociedade civil organizada”, disse. “Só de efetivo, juntando a Guarda Civil Metropolitana, com a PM e a Civil, teremos cerca 4 mil homens e mulheres em prol da segurança de Goiânia”, afirmou.

Vanderlan salientou que o prefeito pode fazer o trabalho de prevenção da criminalidade, por meio da chamada segurança primária. Para isso, o candidato do PSB pretende abrir mais vagas nos Cmeis, investir nos polos de desenvolvimento, para criar emprego e renda, na cultura, por meio das células culturais, além da capacitação do servidor público, sobretudo da Guarda Civil Metropolitana. Tudo para reduzir os índices de criminalidade. “Não vou ser omisso. O prefeito precisa liderar a cidade, vou fazer isso buscando parcerias”, disse.

Além disso, o candidato reafirmou que o apoio que recebeu do governador Marconi Perillo faz parte da busca por parcerias que Goiânia precisa para ser tirada do atraso em que se encontra. “Para os polos de desenvolvimento, distritos industriais, regulamentação fundiária, atenção à segurança pública, para isso tudo preciso da parceria do governador. Em hipótese alguma deixarei Goiânia de lado. Não vou terceirizar briga de ninguém. Vou tirar Goiânia do caos em que se encontra”, enfatizou Vanderlan.

publicidade

LEIA MAIS: Prefeito de Senador Canedo se defende das acusações: “Tenho conduta ilibada e correta com tudo”

Vanderlan Cardoso diz que o prefeito precisa liderar a cidade | Foto: Divulgação/Assessoria de Imprensa
Vanderlan Cardoso diz que o prefeito precisa liderar a cidade | Foto: Divulgação/Assessoria de Imprensa

Realização política

Vanderlan Cardoso, que foi prefeito de Senador Canedo em duas oportunidades, afirmou que sua história política é baseada em realização, e não em conchavos políticos. “Eu nunca estive envolvido em escândalos. Nunca joguei para cima dos outros as minhas responsabilidades. Sou responsável pelos meus atos. Sempre fiz uma política voltada para o desenvolvimento social e não para o rancor”, disse o candidato do PSB à prefeitura.

Vanderlan afirmou que o eleitor quer ver propostas e não brigas entre os candidatos. Mesmo alvo de ataques, o candidato conseguiu se defender e ainda apresentar propostas. “O que nós estamos mostrando para a população são projetos para resgatar Goiânia”, e lembrou que em Senador Canedo realizou 1215 obras.

Acompanhe o Folha Z no Facebook, Instagram e Twitter