Mito ou Verdade: água gelada faz mal para a saúde?

Analgésico natural para a garganta inflamada ou veneno para quem está nessa situação? Descubra

Beber água gelada é sempre proibido pelas mães | Foto: Daria Shevtsova
Beber água gelada é sempre proibido pelas mães | Foto: Daria Shevtsova

Você provavelmente já deve ter sido proibido pela sua mãe, em algum ponto da vida, de beber água gelada.

“Faz mal para as crianças”, dizem os mais velhos. Mas o que será que a ciência tem a dizer a respeito disso?

Segundo médicos consultados pelo Folha Z, a ingestão de bebidas geladas por bebês pode impactar negativamente as defesas naturais das suas vias aéreas superiores.

Isso ocorre porque a baixa temperatura inibe mecanismos de defesa especialmente do nariz, garganta e brônquios.

Esse impacto no sistema imunológico resultou em uma recomendação dos profissionais da saúde: líquidos frios só a partir do 1º ano de vida da criança.

O limite sobe para os 3 anos quando se trata de bebidas geladas e sorvete.

Água gelada faz mal à garganta? 

Apesar de não haver consenso entre os especialistas, uma corrente de médicos partilha da opinião de que ingerir líquidos ou sólidos em baixa temperatura pode fazer mal à garganta.

O que acontece é um congestionamento da mucosa respiratória, camada protetora que cobre o trato respiratório e atua como mecanismo de defesa contra infecções.

Congestionada, a mucosa não trabalha tão bem contra a penetração de agentes infecciosos.

Por outro lado, a bebida gelada pode ser um bom anti-inflamatório e analgésico natural.

É o caso de pessoas que acabaram de passar por operações na garganta.

Inflamado, inchado e dolorido, o local de onde foram removidas as amígdalas pode ser aliviado pela ingestão de sorvete, por exemplo, anti-inflamatórios e muito líquido.

Celular é fonte de contaminação com 23 mil fungos e bactérias


Acompanhe o Folha Z no Instagram (@folhaz), no Facebook (jornalfolhaz) e no Twitter (@folhaz)

Comentários do Facebook