Atlético-GO vira pra cima do Goiás e dispara na ponta. ‘Título é questão de tempo’

Atlético vence com gols de Luiz Fernando
Luiz Fernando marcou duas vezes pro Atlético | Foto: divulgação

Jogando no Estádio Serra Dourada, o Atlético-GO mostrou grande força e venceu o Goiás por 4 a 2. Pedro Bambu, Luiz Fernando duas vezes e David Duarte, contra, marcaram os gols da partida. A partida teve emoção do início ao fim, como é rotina nos clássicos entre Atlético e Goiás. As duas equipes buscaram o resultado durante os 90 minutos.

O resultado manteve o Atlético firme na liderança da Série B com 64 pontos ganhos. Além disso, a equipe deu mais um grande passo rumo à Série A. Agora, o Dragão tem 10 pontos de vantagem para a primeira equipe fora do G-4. Restam 12 pontos a ser disputados.

Na próxima rodada, o Atlético vai até o Estádio do Café para enfrentar o Londrina. A partida acontece terça-feira, às 22:30.

O jornalista Guilherme Coelho, aventurando na crônica esportiva, deu seu pitaco sobre a partida (veja vídeo ao lado). Para ele, o “título é questão de tempo”. Guilherme não poupou críticas a diretoria esmeraldina e deixou escapar essa: “O Goiás, novamente, vai disputar a Série B. Só lamento”?

O jogo

Emancipação Aparecida 300×250

A partida começou parelha. Ambas as equipes trocavam ataques a todo instante. O jogo era bom. O Atlético buscava o lado esquerdo de ataque com Magno Cruz e Jorginho. O Goiás ia pelo lado direito de ataque com Rossi.

Aos 26, o esmeraldino abriu o placar. Rossi fez boa jogada é cruzou na medida para Walter. O camisa 18 escorou para o gol. 1 a 0 Goiás.

O Rubro-negro respondeu rápido. Aos 32 minutos. Em ótima jogada de Matheus, Gilsinho e Pedro Bambu, a bola sobrou para o volante atleticano que dá entrada da área chutou forte, no canto, sem chances para Márcio. 1 a 1 e fim de primeiro tempo.

Pedro Bambu desequilibrou a partida pro Atlético
Pedro Bambu desequilibrou a partida pro Atlético. Guerreiro, raçudo e determiando | Foto: divulgação

Gregre

O segundo tempo prometia muito. Os times continuaram buscando o gol. Coube ao garoto Luiz Fernando, cria das divisões de base do Atlético, fazer a diferença. O meia entrou em marcous duas vezes. O primeiro aos 28 e o segundo aos 36. Sempre pelo lado direito, na primeira, assistência de Matheus Ribeiro. Na segunda foi a vez de Pedro Bambu cruzar e Fernando escorar.

LEIA MAIS: A falta de um Adson Batista no Goiás. Dirigente dá aula para a diretoria esmeraldina

O Goiás partiu para cima e descontou com Léo Gamalho, aos 40 minutos. Porém, o dia era atleticano. Aos 42, o zagueiro David Duarte foi cortar um cruzamento, pegou mal na bola e deixou o Atlético ainda mais em vantagem. 4 a 2, fim de jogo e festa Rubro-negra. (Agência ACG)

Veja os gols:

Acompanhe o Folha Z no Facebook, Instagram e Twitter