CBF quer padronizar tamanho de gramados para 2016

Serra Dourada tem um dos gramados mais extensos do país (Foto: Reprodução)
Serra Dourada tem um dos gramados mais extensos do país (Foto: Reprodução)

Segundo a Confederação Brasileira de Futebol (CBF), todos os gramados utilizados para primeira e segunda divisões nacionais deverão ter o mesmo tamanho.

O objetivo do projeto é padronizar todos os gramados com o tamanho determinado pela Fifa: 105 m de comprimento por 68 m de largura.

2016

A Diretoria de Competições da CBF divulgou que concluiu a primeira fase do Projeto Gramados, com visitas aos estádios e avaliações dos campos que recebem jogos das séries A e B do Brasileirão. Entre dezembro deste ano e janeiro de 2016, a iniciativa entra na segunda fase, em que serão feitas as correções para cuidar da qualidade e da padronização das dimensões de todos os palcos

Já foram feitas vistorias para levantar a necessidade de ajustes topográficos, que dizem respeito à dimensão do campo. E os clubes, federações e administradores de estádios vão receber as avaliações e terão o apoio técnico e instrumental da CBF para as correções e adequações exigidas.

Serra Dourada

Com essa determinação, o Serra Dourada, principal palco do futebol goiano, deverá ser alterado. O gramado do estádio tem dimensões de 110 m de comprimento por 75 m de largura. Uma área 111o m² maior do que o padrão Fifa, já empregado nas principais arenas brasileiras, que sediaram partidas da Copa do Mundo de 2014.

Antigos boleiros acreditam que o tamanho do Serra Dourada sempre se tornava um aliado dos times goianos em competições nacionais. Os adversários, porém, por muitas vezes foram embora de Goiânia com muitas reclamações.

Os técnicos Luxemburgo e Levir Culpi já maldisseram as dimensões do gramado goiano nos microfones da imprensa. Outro que não gostou de correr mais para chegar à linha de fundo foi o argentino Diego Maradona.

Será que a mudança vai impactar no rendimento de Atlético, Goiás e Vila Nova na Série B de 2016?

Comentários do Facebook