Ex-jogador de futebol é assassinado com três tiros

Jogador foi assassinado com três tiros
Jogador foi assassinado com três tiros

O futebol de El Salvador está de luto. Na madrugada do último domingo (27), o ex-jogador da seleção do país, Alfredo Pacheco, de 33 anos, foi assassinado após receber três disparos quando estava em um posto de gasolina em Santa Ana, cidade próxima da capital San Salvador.

Um dos disparos acertou o abdômen do ex-jogador e ele morreu no local. Alfredo chegou a ser levado para o hospital, mas sem vida. Duas outras pessoas ficaram feridas no ataque. A polícia trabalha para tentar identificar os suspeitos dos disparos.

Pacheco estava banido do futebol de El Salvador desde 2013, quando foi acusado e punido por envolvimento com manipulação de resultados. Além dele, outros 14 atletas acabaram punidos.

publicidade

O defensor teve passagens por times de El Salvador: Futbolistas Asociados Santanecos (FAS), Águila e Isidro Metapán e pelo New York Red Bulls, dos Estados Unidos. Com 33 anos, ele era o recordista de convocações pela seleção de El Salvador.