Graça e criatividade para curar a traição

Jogo Limpo com Rodrigo Czepak

Americano Duston Holloway reagiu de maneira diferente ao descobrir traição | Foto: Reprodução/Redes Sociais
Americano Duston Holloway reagiu de maneira diferente ao descobrir traição | Foto: Reprodução/Redes Sociais

Assim como eu, você deve estar cansado de acompanhar diariamente tragédias provocadas por ciúme entre casais, em especial do lado masculino. Relacionamento virou sinônimo de tormento para uma parcela significativa da sociedade. Por isso é preciso  destacar quando o homem escolhe caminho oposto à violência para encarar uma traição. O americano Duston Holloway, de 23 anos, tirou uma selfie quando encontrou a namorada e o amante na cama, dormindo. Postou a imagem nas redes sociais e recebeu o reconhecimento de milhares de internautas de todo o planeta. Não foi o primeiro e nem será o último a superar esse constrangimento.

Tudo bem. Você não teria sangue frio suficiente no momento do flagrante. Mas nada custa preparar o espírito para enfrentar situação semelhante. Independente da idade, ninguém está imune a uma grande decepção amorosa. Para isso acontecer basta estar vivo, respirando por aparelhos. Por ser jovem e descolado, o americano optou pela brincadeira, todavia admitiu que a sua primeira vontade foi agredir o rival. Pensou melhor e viu a grande bobagem que iria cometer. Numa fração de segundos poderia mudar para sempre o destino de três  pessoas que sequer tinham a compreensão do sentimento que as unia.

LEIA MAIS: Folha Z leva prêmio do Detran de melhor reportagem sobre trânsito

Unifan Bolsas de até 70% – 300×250

Faça um bem enorme à sua auto-estima e se imagine na pele do americano. Não arranca pedaço, muito pelo contrário. Somente esse gesto já vai afastá-lo um pouco mais de exemplos como o do marido que matou a esposa e depois pediu ajuda dos vizinhos para encontrá-la ou mesmo da mulher que tirou a vida do companheiro e na sequência retalhou o corpo em pedaços. Uma linha tênue separa as duas atitudes: superar a traição e seguir a vida ou então selar o destino com sangue. Duston Holloway já recebeu inúmeras propostas de relacionamento, algumas de mulheres que ele jamais imaginou conhecer. Não alcançaria tamanho sucesso se estivesse atrás das grades.

Acompanhe o Folha Z no Facebook, Instagram e Twitter