Neymar e pai são indiciados por corrupção

Neymar e Neymar Jr. são indiciados (Foto: Reprodução)
Neymar e pai são indiciados (Foto: Reprodução)

A Procuradoria da Audiência Nacional da Espanha decidiu processar Neymar e seu pai por crime de corrupção devido a uma suposta fraude contra o fundo DIS, que administrava parte de direitos federativos do jogador.

O procurador José Perals apresentou ao juiz da Audiência Nacional José de la Mata seu parecer favorável ao indiciamento de pai e filho na investigação da denúncia do fundo DIS, que tinha 40% dos direitos federativos de Neymar e afirma ter sido enganado e não ter recebido o valor que lhe correspondia na transferência para o Barcelona.

LEIA MAIS: Goiás negocia com Josué e Neto Berola

Já foram ouvidos pelo juiz os depoimentos do jogador e de seus pais, Neymar e Nadine, do presidente do Barcelona, Josep Maria Bartomeu, e de seu antecessor, Sandro Rosell.

Milhões

A DIS reclama que deveria receber 40% do valor que o Barcelona pagou ao Santos pelos direitos federativos do jogador, mas acabou recebendo apenas o valor referente ao 17,1 milhões de euros que o clube disse ter pagado por Neymar, quando a contratação custou, segundo as investigações da Audiência Nacional em outra causa, um total de 83,3 milhões de euros.

Comentários do Facebook