Olímpico não será inaugurado até que cores do PSDB sejam removidas. Agetop contesta e garante inauguração

Cores usadas no Estádio Olímpíco são as mesmas definidas como padrão do PSDB de Marconi (Foto: Perícia Técnica do MP-GO)
Cores usadas no Estádio Olímpíco são as mesmas definidas como padrão do PSDB de Marconi (Foto: Perícia Técnica do MP-GO)

A inauguração do Estádio Olímpico, que estava programada para segunda-feira (8), foi suspensa até que as cores usadas na estrutura sejam substituídas pela Agência Goiana de Transportes e Obras (Agetop).

A decisão é do juiz Ricardo Prata, da 2ª Vara da Fazenda Pública Estadual. Ele chegou à conclusão, após análise das imagens do estádio anexadas aos autos, de que as cores utilizadas rememoram as cores do PSDB, partido do governador Marconi Perillo, e definiu que amarelo e laranja deverão ser trocadas por azul ou branco. Em caso de descumprimento, foi fixada multa aos réus no valor de R$ 70 mil.

“É público e notório, principalmente porque o azul é a cor predominante e é lastreada em toda a estrutura desde a fachada principal”, pontuou o magistrado, que ainda ressaltou que as cores amarelo e laranja também estão presentes no manual de uso da marca PSDB.

LEIA MAIS: Olímpico será finalmente inaugurado na próxima segunda-feira (8)

“A aparente mensagem subliminar que as cores utilizadas transmitem associam a imagem da administração estadual à do partido do governador (PSDB) e, consequentemente, ao próprio governador. Denota-se aí, neste ponto, ainda que de forma oblíqua, a intenção de exaltar sua administração (autopromoção) e sugestionar o cidadão a votar nos candidatos de sua sigla partidária, em detrimento da estrutura vultuosa ter sido edificada e inaugurada à época em que era gestor público, o que configura ilícito, em razão da desobediência aos princípios da administração pública”, concluiu a decisão.

LEIA MAIS: O vexame olímpico de Marconi e Rincón

Mesmo com a decisão da Justiça que suspendeu a inauguração do Estádio Olímpico, que está marcada para esta segunda-feira, 8, às 10 horas, a Agência Goiana de Transportes e Obras (Agetop) informou, por meio de nota à imprensa, que ainda não foi notificada e que, por isso, a cerimônia de abertura do Centro de Excelência do Esporte está mantida para a mesma data e horário previamente agendados.

Confira a nota da Agetop:

A Agência Goiana de Transportes e Obras (Agetop) não foi notificada da decisão do juiz Ricardo Prata, da 2ª Vara da Fazenda Pública Estadual. Portanto, desconhecemos o seu teor.

Assim que o órgão for notificado, a Agetop tomará todas as providências jurídicas possíveis e necessárias.

Informamos que a inauguração do Centro de Excelência do Esporte está mantida, para a mesma data e horário previamente agendados.

Acompanhe o Folha Z no Facebook, Instagram e Twitter.

Comentários do Facebook