Vila demite Rogério Mancini, mas volta atrás a pedido dos jogadores

Técnico Rogério Mancini
Técnico Rogério Mancini (Foto: Reprodução/Diário de Goiás)

Sem conseguir converter o bom futebol em gols e vitórias, o Vila Nova resolveu ouvir um pedido dos seus jogadores e seguirá com Rogério Mancini no comando técnico do clube.

Depois de derrota para o CRB por 2 a 1 dentro de casa, o Colorado chegou a divulgar para a imprensa que o contrato de Mancini seria rescindido. Mas a preferência do grupo pelo “professor” motivou a diretoria do Tigrão a rever a decisão e continuar com o treinador.

LEIA MAIS: Com Neymar, seleção brasileira enfrenta o Japão em Goiânia antes das Olímpiadas

Para o presidente do clube Gutemberg Veronez, o trabalho dentro das quatro linhas está correto, já que o time tem padrão de jogo e o que ocorre é apenas uma má fase. “Por isso, o Rogério Mancini está mantido no comando do Vila Nova. Ele deixou a decisão à disposição da diretoria. Se a gente tivesse a convicção que uma simples mudança de treinador iria resolver tudo, tenho certeza que o Mancini não iria querer permanecer”, disse o cartola.

Confiante, Guto disse acreditar que ainda há muito tempo para que o Vila retome o caminho das vitórias na Série B. “Tempo tem, mas ele passa. Trabalhamos com ciclos de 6 jogos. Nosso objetivo era conseguir de 11 a 12 pontos nessas primeiras partidas. Agora, no próximo ciclo teremos de ganhar, ao menos, 12 pontos, mesmo disputando três jogos fora de casa”, comentou.

Próximo confronto

O Vila Nova agora volta a campo na sexta-feira (3), para encarar o Paraná às 20h30 no Serra Dourada.

Comentários do Facebook